Pastorais da Igreja no Brasil também têm se articulado para o processo de escuta da Assembleia Eclesial

O processo de escuta que vai nortear os trabalhos até a na Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe, desenvolvido pelo Conselho Episcopal Latino Americano (CELAM) segue recebendo as contribuições até o fim de agosto.

Além das dioceses e organismos, as pastorais da Igreja no Brasil também estão empenhadas na promoção de atividades de formação e de orientação sobre o processo de escuta que pode ser enviado individualmente ou de forma comunitária.

Alex Motta, coordenador nacional da Pastoral da Saúde

Na área da saúde, a coordenação da Pastoral da Saúde Nacional está no processo de estudo do material metodológico para implementar um documento preparatório com pontos principais ligados à saúde e ao controle social como a assistência primária nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), programa de imunização e consequências da pandemia para a saúde mental.

“Diante dessas realidades estaremos convocando as nossas lideranças regionais, arquidiocesanas e diocesanas da pastoral para também participarem do processo de escuta nos seus respectivos âmbitos, lendo e estudando o documento e realizando oficinas interativas, com objetivo de construirmos um encaminhamento de propostas para serem inseridos na plataforma da Assembleia Eclesial”, destacou o coordenador nacional da Pastoral da Saúde, Alex Motta.

A juventude também está empenhada em colaborar com o processo de escuta da Assembleia Eclesial. Tanto no Encontro Nacional de Jovens Líderes de Novas Comunidades (ENJNC) e no Seminário Civilização do Amor, houve tempo para divulgar e motivar a participação.  Esses encontros foram organizados pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pela Coordenação da Pastoral Juvenil Nacional.

De acordo com a comissão, no seminário, houve também um trabalho em grupo respondendo a um dos fóruns propostos pelo processo de escuta e este mesmo processo será realizado no encontro de jovens de congregações religiosas que acontecerá dias 30 e 31 de julho. A Pastoral da Juventude do Meio Popular (PJMP) também teve momento de formação para motivar a participação. Assim, como a Pastoral da Juventude.

Além disso, a comissão para a Juventude da CNBB informou que os referenciais regionais, setores diocesanos de juventude e grupos já foram contatados, pessoalmente e ou por e-mail para participarem do processo.

A Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe tem como lema “Somos todos discípulos missionários em saída” e será realizada de 21 a 28 de novembro de 2021, presencialmente no Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe, na Cidade do México, e de forma remota em outros lugares da América Latina e do Caribe.

Como participar:

A escuta é uma proposta aberta a todos, na qual é possível participar através de atividades comunitárias, fóruns temáticos e contribuições individuais, com inscrições feitas através da utilização de uma plataforma de colaboração on-line, no website da Assembleia Eclesial, na seção “Escuta”. É necessário um cadastro no endereço para oferecer a contribuição na plataforma.

Para o processo foram elaborados materiais que já se encontram disponíveis no site da Assembleia da América Latina e do Caribe. O Documento para o Caminho em portugês, está organizado no método pastoral de “ver”, “julgar” ou “iluminar” e “agir”.

Acesse o site da Assembleia Eclesial: https://asambleaeclesial.lat/

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *